Domingo foi um dia bom: com sol de primavera e nuvens de algodão no céu. Aproveitando a sugestão do blogue Grande Turismo, fomos conhecer a estrada entre as aldeias de Segura e Rosmaninhal, no Tejo Internacional. Confirmámos: é “uma das mais belas de Portugal”, sobretudo nesta altura do ano, em que as flores – amarelas, brancas, vermelhas e lilazes – enchem os campos. São as mesmas que existem no meu Minho e nas minhas recordações de infância quando fazia colares de flores com a minha mãe. A diferença é o rosmaninho e a imensidão das paisagens que vemos passar pelas janelas abertas do carro. Quando paramos, cheira bem e ouve-se o zumbido de milhares de abelhas. Depois continuamos com os cabelos ao vento, criando memórias nesta estrada belíssima onde não vemos ninguém, somente alguns cavalos e vacas no meio de campos a perder de vista.

Mais informações: www.grandeturismo.com

Passeio realizado em Maio de 2016

Se gostou deste artigo, pode deixar um comentário ou seguir o Facebook e o Instagram do Viagens à Solta. A si não custa nada e a nós motivar-nos-á a partilhar mais experiências de viagem.

3 Comentários

  1. Se já tinha lido a descrição no blogue "Grande Turismo" e tinha ficado encantado com a estrada, agora com estas fotos apaixonei-me decididamente. Se tudo correr bem, é para aqui que irei nas férias de Verão. Estabelecer uma base em Idanha e explorar Monsanto, Penha Garcia, e descer atá ao Tejo.

  2. Vamos incluir na nossa exploração por Portugal, provavelmente no final de outubro.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.