Vila Flor é para quem gosta de terras com nomes bonitos. É para quem tem interesse em conhecer o interior norte de Portugal. É para quem precisa de fugir de vidas agitadas ou de dias rotineiros. É para quem quer sentir a força da terra e da natureza. É para quem valoriza o silêncio. É para quem gosta de caminhar. É para quem tem tempo para conversar com quem aparecer. É para quem procura conhecer tradições. É para quem tem curiosidade em espreitar a única discoteca da vila e descobrir personagens peculiares. É para quem não se aborrece em terras tranquilas ou sabe tirar prazer do aborrecimento. É para quem aprecia vinho, queijos, enchidos e um bom azeite. É para quem tem saudades de andar descalço no campo. É para quem gosta de abraçar árvores. É para quem se deita na terra para (se) sentir.

Por tudo isto, não me apetece dar-vos uma lista do que ver ou fazer em Vila Flor nem sugerir-vos um roteiro. O melhor de Vila Flor não vem em listas sobre o que visitar. São sensações e experiências simples, que cada um descobrirá por si próprio. Ainda assim, há uma série de coisas que seria uma pena que passassem ao lado de quem visita o concelho. Senão vejamos:

Visitar Vila Flor, Centro Histórico
Centro histórico de Vila Flor – © Parque Natural Regional do Vale do Tua

15 coisas a não perder em Vila Flor

1. Centro histórico de Vila Flor, onde existem vistosas casas senhoriais e fortes casas agrícolas, ligadas à produção de azeite e de vinho;

2. Museu de D. Berta Cabral, uma casa cheia de curiosidades que nos fizeram sorrir graças às explicações de uma competentíssima guia. As visitas são guiadas e a entrada é livre;

3. Igreja Matriz ou Igreja de S. Bartolomeu, uma das mais sumptuosas do distrito, mesmo ao lado do museu, bem no centro da vila;

4. Percursos pedestres sinalizados, como o PR4 VFL: Vilas Boas – Vilarinho pelos Caminhos da Serra do Faro;

5. Santuário de Nossa Senhora da Assunção, o maior santuário mariano de Trás-os-Montes;

6. Santuário de Nossa Senhora dos Remédios, de onde, na nossa opinião, se tem a melhor e a mais sossegada vista das redondezas;

7. Parque Natural Regional do Vale do Tua. Uma das cinco portas do parque fica na aldeia de Vilarinho das Azenhas, onde existe um Centro de Interpretação que disponibiliza informação para explorar esta zona protegida;

8. Vinho Holminhos (Vila Flor integra a Região Demarcada do Douro);

9. Azeite, azeitonas e alcaparras;

10. Amêndoas, outra das grandes produções de Vila Flor, a par do vinho e do azeite. A Quinta do Pombal, por exemplo, produz amêndoas quer simples quer com sabores, como amêndoas de chocolate preto e laranja, amêndoas caramelizadas e até manteiga de amêndoa;

11. Alheiras de Vila Flor (entre outros enchidos);

12. Sopas da Segada, um prato típico à base de pão, bacalhau e ovo;

13. Pão, folar e bola de carne transmontanos;

14. Queijos de cabra ou ovelha, como o Queijo Terrincho DOP, obtido a partir de leite cru de ovelha da raça Churra da Terra Quente;

15. Frutas Vilariça, uma loja no centro da vila onde poderá comprar alguns dos referidos produtos da terra, assim como compotas de fruta provenientes do fértil Vale da Vilariça, de onde também saem excelentes produtos hortícolas.

Em suma, Vila Flor não é para as massas. Não é para quem viaja para publicar fotos ou ter “gostos” nas redes sociais. É para pessoas como tu que leste este texto e te identificaste com ele. É para pessoas como nós.

Guia prático para visitar Vila Flor

Localização

Vila Flor é uma vila situada em Trás-os-Montes, no interior norte de Portugal. Integra a designada Terra Quente Transmontana, o Vale do Tua e também o Alto Douro Vinhateiro.

  • Distância do Porto: 160 km (~1h45)
  • Distância de Lisboa: 430 km (~4h)

Onde (gostámos de) comer

  • Holminhos Wine House. Foi aqui que nos apaixonámos não só pelo vinho Holminhos, mas também pelos produtos gastronómicos a que fizemos referência anteriormente. Além de visitas à adega e à vinha, organizam jantares de grupo (por marcação);
  • Restaurante D. Dinis, mesmo no centro de Vila Flor. Comemos e recomendamos a posta de vitela e as sopas da segada.

Onde (gostámos de) dormir

Casa de Campo das Sécias, uma casa transformada, com genuinidade, em alojamento de Turismo Rural, pelos filhos de um casal da aldeia de Vilas Boas (a 3 km de Vila Flor).

O que visitar perto de Vila Flor

A 15 minutos: Carrazeda de Ansiães (Alto Douro Vinhateiro)

A 25-30 minutos:

  • Alfândega da Fé
  • Mirandela
  • GeoPark Terras de Cavaleiros (Macedo de Cavaleiros)

A 40-45 minutos:

  • Miranda do Douro
  • Parque Arqueológico de Foz Coa
  • Alijó (Alto Douro Vinhateiro)
  • Vila Real

A 60 minutos: Bragança

O Viagens à Solta visitou o concelho de Vila Flor no fim-de-semana de 7 e 8 de Março de 2020, a convite do Município de Vila Flor, no âmbito do Projeto Tua Natureza. Reservamo-nos sempre o direito a uma opinião e textos isentos, independentemente das parcerias.

Veja mais:

Se gostou deste artigo, pode deixar um comentário em baixo e seguir-nos através do Instagram e Facebook. A si não custa nada e a nós motivar-nos-á a partilhar mais experiências de viagem. Boas viagens à solta!

8 Comentários

  1. Dá vontade de conhecer!!!
    Boa descrição dos locais que visitam!!!
    Obrigada pela partilha!

  2. Conheci Vila Flor em 2011, terra onde foi assentado o registro de nascimento do meu pai, nascido no ano 1909, em Val Frechoso. Amei este lugar, foi uma experiência maravilhosa, quero voltar lá.

  3. Terra de meu Marido, Santa Comba da Vilariça, toda essa Zona é lindíssima, tal como descrevem.
    É para quem gosta de calma, pedras (fragas), tal como eu.

  4. Adorei a descrição….parabéns!
    Seria interessante um olhar pela gastronomia no ponto de vista do viajante com recursos limitados, ou seja… restaurantes com preços acessíveis!
    Obrigado e continuação de boas viagens!

    • Olá Sérgio, obrigada pelo elogio. Quanto aos restaurantes, compreendo o seu ponto de vista, mas só costumamos mencionar os restaurantes em que estivemos. Em Vila Flor certamente lhe poderão recomendar outros. Boas viagens!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *